facebook
twitter
logotype
deco

Problemas refrativos

 

Os problemas refrativos (miopia, hipermetropia, astigmatismo e presbiopia) são fáceis de detectar, já que estão associados à acuidade visual e sintomas como distorção de imagem, dores de cabeça, piscar constante, olhos vermelhos...

 

  • Miopia: Erro refrativo caracterizado pela incapacidade dos olhos para focar corretamente objetos distantes. Esse transtorno é explicado pelo fato da imagem do objeto estar focalizada antes da retina. Por esse motivo a imagem percebida é embaçada e desfocada. Uma das causas principais é que o olho tem uma potência focal maior que a necessária gerada por uma maior curvatura da córnea ou por um aumento da potência do cristalino. A outra causa pode ser que o globo ocular tenha um formato excessivamente alargado. Porém os míopes podem ver de maneira clara os objetos que estão perto. Quando prescrevemos lentes negativas conseguimos situar o ponto de foco sobre a retina.

 

  • Astigmatismo: Esse erro refrativo provoca que o objeto que vemos não gere uma imagem na retina, mas duas imagens separadas entre elas produzindo uma visão embassada e distorcida. Estas duas imagens estão produzidas por uma diferença dos raios de curvatura na córnea, no cristalino ou no globo ocular. Esse problema pode estar associado a miopias ou hipermetropias.

 

  • Hipermetropia: Esse erro refrativo é caracterizado por uma imagem do objeto focalizada atrás da retina. Por tanto, a imagem será vista levemente desfocada em visão de longe e especialmente mais desfocada em visão de perto. Esta condição pode ser causada pelo fato do globo ocular ter um tamanho menor do normal ou que a potência da córnea ou cristalino seja insuficiente. A pessoa hipermetrope pode realizar um esforço acomodativo para conseguir focar as imagens. Esse esforço pode produzir sintomas como dores de cabeça, fatiga geral, ou embaçamento intermitente que diminui a eficácia para realizar tarefas como ler, escrever ou copiar. A prescrição de lentes positivas permite colocar o foco da imagem sobre a retina, diminuindo os sintomas e melhorando o rendimento visual.

 

  • Presbiopia: Condição refrativa que aparece a partir dos 40 anos. Caracteriza-se por apresentar dificuldade para focar imagens de perto quando lemos ou escrevemos. Essa condição se compensa com lentes positivas para perto.